Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta à noite

Quando a vida dá uma volta das grandes. Desabafos. Ilusões e desilusões. Mudanças. Novos rumos. Vitórias

Quinta à noite

Quando a vida dá uma volta das grandes. Desabafos. Ilusões e desilusões. Mudanças. Novos rumos. Vitórias

Memórias 16

"Há pessoas que pertencem à nossa vida, que se distanciam, e essa distância traz esquecimento. E há aquelas pessoas que distância alguma permite que se ausentem da nossa vida porque são tão importantes, e a sua presença foi tão marcante que levámos essas lições para o resto da vida!"

O jogo das palavras

Na semana passada fui falar com a terapeuta da fala que está na escola do meu filho. O pequeno não fala lá muito direito. Há palavras que ele não diz e letras que ele não pronuncia. Para mim não é um problema, mas para os profissionais, o meu filho tem um ligeiro atraso na fala. Depois da conversa, ficou combinado que vamos fazer uns jogos em casa e se não resultar, vamos para a terapia.

Numa semana ele já diz lápis (vs ápis) e televisão (vs tevisão). Para além disso, passámos a ter, obrigatoriamente, uma hora de brincadeira todos os dias. Os progressos podem ser mais lentos que na terapeuta, mas é mais divertido para todos.

O que é a minha casa?

Os mais poetas dizem que casa e lar são diferentes (home e house).

Eu vivo numa casa, o meu lar está contruido nessa casa. É a casa da MINHA família. 

É um espaço especial? Sim. É o meu espaço especial?

A minha casa é aquela quase ruina onde eu vivi muitos momentos. Está velha, a cair; está vazia, frágil e desabitada, mas é lá que eu me sinto em casa. Aquele lugar pequeno e sem nada está cheio de tantas gargalhadas, tanto riso, tantos sonhos e tanto carinho que eu ainda o sinto quando abro a porta perra pela humidade, ferrugem e a falta de uso. 

Podemos ser felizes em qualquer lugar; podemos ser felizes num espaço que nos seja alheio. A felicidade não está na cor das paredes, ou nos metros quadrados de nada, está em nós e nas pessoas que nos rodeiam. 

Mas quando eu penso no meu espaço, no meu porto de abrigo, no lugar onde me sinto realmente em casa, eu vejo a casa dos meus avós. 

A minha casa, o meu cantinho, meu lugar encantado cheios dos meus sonhos de menina!

A política em Portugal

Hoje estive a ver as notícias  (às vezes dá me para estas coisas!).

Fiquei a saber que o orçamento foi "votado" e que foi aprovado "pela abstenção... E dei comigo a pensar em ser militante desse organismo político que vence eleições, mas não governava, até este ano! O orçamento de estado de 2020 foi aprovado pela abstenção  (fica para a história!)

Depois vi que a ordem dos médicos defende que o ministério da saúde não está a valorizar os médicos; à uns tempos atrás ouvi o sindicato dos professores a dizer o mesmo do ministério da educação... Fiquei com a sensação que temos ministérios que não estão muito conscientes daquilo que tem para governar (quem sabe em futuras legislaturas se abstenham de o fazer!)

Depois veio à memória, deputados a defender a redução do número de deputados  (que eu até concordo), ou candidatos a eurodeputados que tem como bandeira eleitoral a saída de Portugal da união europeia... Nada contra, mas parecem me discursos pouco coerentes! 

Parece me que a política em Portugal está cada vez maisincoerente!

Eu sei, que hoje a informação é aquela que vende... no entanto ando assustada com alguns assuntos que vou vendo... 

 

Desabafo: os meus cães

A farrusca faz hoje 10 anos.

São 4 kilos de carne com um temperamento muito especial.

Ela é extremamente refilona. É dócil, insegura, mas também muito agressiva. 

Ontem, a Farrusca foi atacada pelos mesmos cães que mataram o Toby. 

Ficou bastante ferida (felizmente são feridas superficiais...), mas hoje, quando os donos dos outros cães vieram confirmar o "acidente" ela saiu do ninho, com a garra que a caracteriza. 

A velhinha não perde o mau feitio... 

Espero que contunue assim mais uma década 🐶🐕

 

18 meses L.D.

E estamos nos 18 meses.

18 meses de muito amor e pouco descanso.

Começa agora a cumplicidade entre irmãos que me encanta e derrete. 

18 meses.... venham mais, muitos mais!

Com filhos 36

Mãe eu gosto de arco íris. Os arcos íris tem unicórnios e eu não gosto de unicórnios. 

- Porque não gostas de unicórnios? 

Porque os unicórnios são coisas de menina. E os meninos não gostam de coisas de menina.

- E as meninas podem gostar de coisas de menino? 

As meninas podem.... 

(Fiquei a pensar 2 coisas: 

- Quem lhe anda a ensinar as coisas de menino e menina ? (Não é em casa)

- E a igualdade é só para as meninas porquê? ) 

Espírito Natalício

Vou partilhar um pensamento  (como forma de o exorcizar...) 

Há uns tempos li este texto Bebés doentes ou indesejados.

Confesso que sempre pensei em adoptar. Quando pensava em maternidade, a primeira coisa que me vinha à cabeça era a adopção...

Quando li esta notícia, o bichinho da adopção acordou. 

E agora com o natal à porta  (data que não me fascina) não consigo deixar de pensar em todas as crianças que não tem uma família... 

Pergunto-me por que motivo eles não têm a mesma sorte que os meus filhos  (os nossos filhos). Não me digam que ninguém tem culpa por terem sido rejeitados, pois eles são os primeiros a não a ter... 

Não queria ter mais filhos (Se 2 já me deixam neste estado de exaustão em que vivo, nem quero imaginar como era com 3...) mas agora dou comigo a desejar dar colo a mais alguém; proporcionar natais animados e cheios de mimos... dou por mim a desejar ir buscar uma dessas crianças... 

Se o pai natal existisse pedia-lhe que todas as crianças tivessem direito a uma boa família...

Pronto desabafei 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D