Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta à noite

Quando a vida dá uma volta das grandes. Desabafos. Ilusões e desilusões. Mudanças. Novos rumos. Vitórias

Quinta à noite

Quando a vida dá uma volta das grandes. Desabafos. Ilusões e desilusões. Mudanças. Novos rumos. Vitórias

4 semanas

Já passaram 4 semanas. Fogo, como o tempo passa... 

Tu tens noites infernais! Confesso que esta noite ponderei dar-te para adopção!!! A tua sorte foi que essa vontade passou mal tu adormeceste. 

Esta noite durmi uma hora... 

Na verdade, por muito que me custe não dormir, já não imagino a minha vida sem ti  (é uma sorte! Porque às vezes parece mesmo que estás a testar a minha paciência!)! 

Agora estás a dormir. E eu aqui, a admirar esse teu ar de anjinho  (tipo aqueles desenhados nos tectos das igrejas) e a morrer de inveja  (e sono) dessa tua sorte... Eu também dormia, mas o mano não me deixa 😢😴😴😴

O bicho papão da amamentação

Já aqui falei de como gosto de amamentar. É um momento único e maravilhoso entre a mãe e o filho.

Nem sempre é fácil... 

Para mim não foi nada fácil da primeira vez. No entanto amamentei até ele fazer 2 anos!

O leite subiu  (ou desceu) 2 dias depois do J. M. nascer. O meu peito aumentou 4 ou  5 números  (de copa de soutien) numa noite. A inexperiência, aliada a tamanho aumento,  fez com que os meus mamilos gretassem (abriram feridas)! 

Com o aumento das mamas o bebé deixou de conseguir agarrar. O que me tinham dito no hospital é que só deveria retirar uma pequena quantidade de leite em cada mama, que não deveria dar biberão ao pequeno para ele não deixar de pegar a mama. O resultado? Durante 15 dias sofri eu e o pequeno: eu porque o leite encaroçou, os mamilos continuaram gretados; o pequeno porque não mamava o suficiente. 

Ao fim de 15 dias, começamos a dar suplemento ao pequeno. A enfermeira e o médico disseram me que tinha pouco leite e que este iria secar num prazo de 2 meses. 

Passados uns dias, as dores no peito eram razoáveis e por isso decidi retirar o meu leite todo  (esvaziar o peito! Mesmo contra todas as indicações recebidas.) Realmente era verdade, o meu leite era muito pouco. 

A partir desse dia, passei a retirar o leite e a dar no biberão. Passei também a estimular, retirando o leite o maior número de vezes possível  (às vezes de duas em duas horas).

Gradualmente voltei a ter leite e quando o bebé fez 2 meses decidi colocar novamente à mama. Demorou alguns dias, mas ele voltou a pegar e em pouco tempo, não precisou mais de suplemento, nem voltou a querer o biberão.

Da segunda gravidez, já tinha decidido que não ia entrar em fundamentalismos. Sei o que fazer para evitar o sofrimento anterior. 

Parecia tudo diferente. O pequeno nasceu maior e com muita mais vontade de mamar; eu já fui para a maternidade prevenida com o Purelan; o leite só subiu no quinto dia e o pequeno parecia não ter tanta dificuldade em agarrar a mama super cheia. 

Mas eu notei que ele reduziu o tempo de mamar; e que tinha alguma dificuldade em pegar direito a mama  (o que poderia fazer como no anterior: gretas nos mamilos); e a minhas mamas voltavam a ganhar "caroços", por isso, sem pedir autorização a ninguém voltei a pegar na máquina e a tirar o leite. 

Dou biberão ao meu filho. Também já o estou a voltar a habitar à mama. Tenho leite que chega para os 2 ( 😂 )! O pequeno está a engordar bastante bem. E tudo de forma tranquila, sem os stresses anteriores. 

Se eu tiver de dar um conselho? O único que dou é: façam como acharem melhor. Mas se querem mesmo amamentar, não desistam só porque as coisas no princípio correm menos bem; porque todos dizem que o leite não é suficiente ( entre outras coisas!). Existem tantas soluções. E se tiverem que dar suplemento, não é o fim do mundo, nem é por essa razão que os laços entre mãe e filho serão diferentes...

3 semanas

Já passaram 3 semanas. O tempo voa. 

Eu vou deliciando-me com o carinho que já existe entre ti e o teu irmão.

Ele quer estar sempre perto de ti, faz de tudo para te acalmar quando choras e adora pegar-te ao colo. Já tu, choras sempre que estás longe dele!

Continuo a desejar que sejam sempre amigos!

Help me

Socorro... 

O meu bebé não gosta de dormir 😢.

Não sei o que posso fazer mais. Aquele ser pequeno tem sonos de 15 minutos com intervalos que podem ultrapassar as 2 horas... 

Ele não sei, mas eu estou a precisar de dormir com alguma urgência! 😴😧😣

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D