Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta à noite

"Mereces todas as coisas boas que a vida tem guardado apra ti!" - Para lembrar

Quinta à noite

"Mereces todas as coisas boas que a vida tem guardado apra ti!" - Para lembrar

4 anos

Ha 4 anos vieste aumentar a família.  Vieste multiplicar o amor e as noites sem dormir. 

Multiplicaste os mimos, os sorrisos, as traquinices e as birras. 

Estás feliz porque já és grande.  Já tens 4 anos e perguntas se demora muito ser do tamanho da mãe e do pai.

És o pequeno que escolhe o sossego do seu mundo à confusão de conquistar espaço no mundo lá fora.  Mas depois sorris e conquistas espaço no coração de quem te rodeia. 

És o teimoso que não quer falar direito porque tu é que estás certo e o resto do mundo é que fala incorrecto. 

És aquele que quer muito crescer.  Fazer o que o irmão faz. Mas não abdica de seres tu mesmo. 

És o nosso amor. 

 

Sobre coisas no Mundo

Hoje, no dito, país do "Sonho Americano" a Lei recuou mais de 50 anos. ( ATENÇÃO: é o mesmo pais que liberaliza o uso de armas). 

Por coincidência, e noutro contexto, eu encontrei esta citação: "A saúde e o bem-estar femininos deixados aos cuidados de uma ideologia masculina tornaram-se, na melhor das hipóteses, negligentes, ignorantes e violentamente opressivos", da senhora Sharon Stone.

Quantos dos Juizes que decidiram eram mulheres?

Sim, eu sei há Juizas brazileiras impedem crianças violadas de abortar! E lá a lei até o permite!

 

Isto sim, é antinatura

Mais uma criança morta...

Por dinheiro? Por vingança? 

Seja qual for a razão... é um crime sem explicação lógica. 

As notícias falam em dívida por serviços de bruxaria. 

E eu tenho a certeza que na idade média mataram muitas bruxas por razões muito menos graves. 

O que desejo a todos aqueles que fazem mal a inocentes: que dentro da prisão encontrem alguém que saiba o que eles fizeram e que não tenham nada a perder! 

 

 

Aceita

Talvez o vermelho 

Não seja igual noutros olhos.

Talvez essa ferida 

Não dói noutros joelhos.

Talvez o céu 

Seja azul marinho 

E o mar seja celeste.

Talvez recebesses,

Quando só viste o que deste!

Aceita!

Sao tantos os outros olhos.

Porque têm de ver o mesmo que os teus?

Aceita. 

Talvez o errado

Não seja igual em todo o lado.

Aceita.

Hoje o sol nasceu dourado,

Mas também já o vi de tantas outras cores.

Aceita.

O tempo não passa igual em todos os relógios;

Há ponteiros onde ele dói mais. 

Aceita!

Não é sarcasmo é ironia!

Começar pelo hacker:

Olá meu caro,
diz que tem acesso a tudo o que faço com os meus dispositivos, mas depois pede-me uma quantia de dinheiro pelo seu silencio momentaneo...

Se realmente tem acesso aos meus dispositivos, conseguirá saber que eu passo a vida a fazer contas ao ordenado e a enviar corriculos... Como acha que pago o seu silencio? Quer batatas? Se a seca não se agravar sou capaz de colher uns quilinhos... poucos, quisto de esperar que Deus Nossenhor mande chuva não está a correr bem! (Vai-se a ver e ele também já está numa de racionalização da água!)

Agora ás superficies comerciais que tem maquinas selfservice, mas cobram o mesmo valor do que antes das máquinas ( uma história veridica):

- Não reparou que temos balanças para pesar a fruta? 

- Sim reparei!

- E porque não a pesou?

- Quanto recebo por isso?

- Como assim?

- Eu vou estar a trabalhar para esta empresa, então tenho que receber por isso. Qual o desconto por eu estar a pesar a fruta?

....(silencio).... 

(Já agora, é a mesma politica para as caixas de supermercado automáticas!)

 

 

O meu segredo

Eu, aquela que há alguns anos, (depois de ver a sobrinha ter uma convulsão) jurou que  nunca, MAS NUNCA, iria ter uma filha!

Sou eu mesmo que anda a sonhar com 2 gémeas lindas e vivo com o desejo de ter uma filha!

 

Depois o frigorífico avaria e eu lembro me que sou pobre! 😏

(Mais filhos só na próxima reencarnação!)

Soldado

Quanto te pagam?

O que recebes vale aquilo que fazes?

Cobra as vidas que se perdem?

Será que a vida do teu avô vale isso?

A do teu pai, irmão, amigo?

E a do teu filho?

Quanto vale o teu desassossego que compraste?

Quanto vale esse uniforme?

Quanto te ficam a dever?

SER CRIANÇA (O desafio do melro)

https://merlo.blogs.sapo.pt/ser-crianca-104953

Gosto destes desafios, mas perco-me sempre pelo caminho.

Hoje vou tentar acabar o texto...

As minhas memórias de criança, tal como as do "Melro", também tem o relógio do sino da igreja e a bicicleta BMX.

Tem, em todas elas a minha irmã!

Tem o Bobby. O primeiro Bobby que foi o meu melhor amigo durante 3 anos e que alguem matou por crueldade. Tem a Riquinha, a nossa primeira cadela, que veio para a nossa casa com 3 semanas e nos acompanhava, para todo o lado, num berço de um nenuco que a minha madrinha me deu.

Tem as viagens no carro de vacas ou no carrinho de mão.

Tem a alegira do mês de Agosto com  os imigrantes a voltar á terra, as festas e as brincadeiras com os meus primos de frança.

Tem os beijos da Tia dos Beijinhos (cuja memória ainda me faz doer as bochechas) e os espirros do tio Adão que nós ouviamos em casa!

As minhas memórias de criança tem tardes infindáveis a pastorear as ovelhas; tem as lavradas com as vacas, tem perus que picavam e cordeirinhos que nos mamavam nos dedos.

Tem os banhos no tanque da roupa; o saxar os campos de milho e o brincar nos "regos" da água dos regadios. Tem trutas que apanhavamos nos dias de rega.

Tem tardes de domingo deitadas no chão para apanhar grilos.

As minhas memórias tem a casa da avó a fumegar e o cheirinho a fritos com canela que ficava na casa nas festas de natal e fim de ano.

As minhas memórias tem o ralhete e a palmada que a avó nos deu por ter-mos aproveitado o facto de ela e o avô terem ido ajudar a apagar um incendio, para fugirmos e irmos brincar com uma vizinha.

As minhas memórias tem sonhos. Muitos sonhos. Muita alegria, muita liberdade...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub