Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta à noite

"Mereces todas as coisas boas que a vida tem guardado apra ti!" - Para lembrar

Quinta à noite

"Mereces todas as coisas boas que a vida tem guardado apra ti!" - Para lembrar

Escrevo

Escrevo,

Para acalmar os sentimentos,

Os medos, os desgostos.

Escrevo,

Para sarar as feridas.

Escrever é curar;

É o grito que eu não sei dar;

É a lagrima que não quero chorar.

Escrever é embalar;

É o sonho que me faz sorrir,

É a esperança que faz seguir.

Escrever é por o coração a bater

Ao ritmo certo.

É encontrar o equilibrio,

No meio do incerto.

Escrever é a cura,

É o remédio

Que controla a loucura!

Refletindo

Li algures a seguinte frase: " O ser humano é um animal inteligente, mas criou a bomba atómica! Eu nunca vi os ratos a criarem ratoeiras!"

Nós não somos muito inteligentes... Somos mortíferos, estupidamente mortíferos, pois inventamos formas de matar que são capazes de matar quem as inventou...

Desabafando

Oh "Deus" começa a expandir o Céu! Cá por baixo há muitos políticos empenhados em salvar as almas dos seus povos!

Leis a proibir "relações sexuais não tradicionais", pais que preferem filhos assassinos em vez de filhos gay; proibir manifestações, proibir/obrigar certas roupas...

Será que o inferno já está cheio e agora somos todos obrigados a merecer o paraíso?

15 anos depois

Hoje há saudade. 

Há aquele "se" e a memória de todos os planos para o futuro. Um futuro que não existiu.

Como seria se estivesses cá? Se o milagre tivesse continuado a acontecer? Como seria a nossa relação? Como serias tu?

5 anos 6 meses e 2 semanas... Não sei onde aprendeste tudo o que ensinaste, mas tudo aquilo que aprendi contigo continua muito atual. 

Saudade, amor e gratidão. É o que continua a existir. 

Sobre saudade

Hoje é Hoje. 

Há 15 anos acreditava em milagres e acreditava que o tempo era lento...

Acreditava que o podia esperar, que o amanhã estava garantido...

Hoje vejo como o tempo foi fugaz. Cruel até, na velocidade como 15 anos aconteceram e com tanta coisa que que ficou por acontecer. 

Como a saudade é boa a fazer o tempo voar!

Não sei como se passaram 15 anos desde o último dia que te vi, te senti,  te peguei ao colo (apesar de seres tu o meu colo!)

Tenho a tua voz a repetir o aviso! Como se me estivesses a tentar preparar para o que ia acontecer. 

Saudades, daquelas que doem muito, mas sao o que mantém todos os bons momentos tão mais perto que o tempo!

Hoje continuo a acreditar em milagres. Tu foste um milagre. 

Estou grata por isso. 

Já não acredito na lentidão do tempo.  Ficou tanto por fazer, por dizer...

Parece que foi ontem. Já passaram 15 anos.

Só o amor não viu o tempo passar. 

 

Descartar o amor

Vamos responder ao melro

O beijo que não deste,

A palavra que não disseste,

A data que esqueceste,

O sorriso que não provocaste,

O abraço que não apertaste,

O sonho que não apoiaste,

Os planos que não concretizaste.

Os silencios que não quebraste,

Os olhares que não decifraste.

O segredo que não desvendaste.

O amor joga-se fora.

Petala a petala,

Fio a fio,

Grão a Grão,

Chega o momento 

Que o amor deixou de ser sentimento 

E é somente vazio

Dentro de um coração!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub